domingo, 15 de julho de 2007

COVARDES E DELIQUENTES

Finalmente a elite reacionária e mesquinha, que acha que os governos devem governar só para elas, tiveram o seu momento de prazer e regozijo. Depois de ver a maioria do povo brasileiro eleger por duas vezes o operário; depois de ver que não é mais a grande formadora de opinião e que mesmo com todo o empenho da grande imprensa, não consegue mais usar o povo como massa de manobra para eleger políticos que depois de eleitos, só beneficiam as classes mais favorecidas; depois de ver que o operário deu condições para a Polícia Federal, para combater a corrupção, na qual aliás, quem está envolvido, além dos políticos, é a elite e não o povão que vota no Lula; depois de ver que o operário está criando condições para que o povão possa ter acesso à educação, com as cotas e o Prouni; depois de derrotas atrás de derrotas, finalmente eles tiveram a grande oportunidade de irem à forra contra o Lula. E para tentar prolongar esse regozijo, agora eles tentam passar a idéia de que as vaias, demonstram que o Lula está com a sua imagem arranhada, que o povo finalmente percebeu que o Lula não presta, que as vaias foram um ato democrático do povo contra um mau governo, etc., etc. Ora, as vaias, foram apenas, uma manifestação de uma pequena parcela da população, que não se conforma com o fato do Lula estar governando, principalmente, para a maioria da população e não apenas para ela, que está aterrorizada com a possibilidade de ter que ver a renda no Brasil, ser pela primeira vez, um pouco mais bem distribuída, com a possibilidade de ver o povão tendo acesso à educação e podendo disputar com ela um espaço no mercado de trabalho, com a possibilidade de irem para o xilindró, com a Polícia Federal, podendo agir. Ou será que ninguém sabe que a grande maioria dos consumidores de drogas, que sustenta o tráfico faz parte dessa elite? Ou será que ninguém sabe que a grande maioria dos corruptores dos políticos está nessa elite? E para encerrar, vamos parar com essa estória de dizer que quem vaiou o Lula foi o povo carioca, ou o povo de várias partes do Brasil, que estavam presentes no Maracanã. Quem vaiou, foi a elite reacionária e mesquinha, tanto do Rio de Janeiro, quanto de vários outros estados do Brasil, que puderam pagar de R$ 100,00 à R$ 250,00, para demonstrarem toda a sua falta de educação e despeito. Aliás, a falta de educação, não ficou demonstrada só com as vaias ao Lula, ficou também demonstrada nos vários momentos em que não respeitaram as pessoas que estavam discursando e nas vaias a algumas delegações. Vaiar a delegação dos EEUU, apesar de não concordar, eu até entendo, mas vaiar a delegação da Venezuela, país onde a nossa Seleção está tendo o maior apoio de sua população, mostra que além de ser muito mau agradecida, não está nem aí para o Brasil e só consegue olhar para o próprio umbigo.
Escrito por Luiz Carlos Cavalcante.

2 comentários:

Letícia disse...

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHA
Esses petistas vivem em um mundo paralelo tão grande, que tudo que acontece contra o Mulla é golpe é da "zelite" golpista e reacionária!! Que gente mais patética!!!
Filhinho, aceite: LULLA FOI VAIADO!! E FIM DE PAPO!!
UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU

Jussara Seixas disse...

Caras de bunda, outra vez e sempre
O Brasil está dividido (não em partes iguais, graças a Deus). De um lado a grande maioria das pessoas – as que reelegeram o presidente Lula, que aprovam o governo Lula –, do outro uma parcela menor – a elite abastada, burra e preconceituosa, que não aceita um governante do povo, que governa para todos. Durante décadas o país foi governado exclusivamente para a elite. Todos os grandes investimentos beneficiavam só quem tinha maior poder aquisitivo. A imprensa diz que Lula dividiu o país, mas isso não é verdade. Foi a elite burra dividiu o país, com ajuda da imprensa. A maior concentração dessa elite burra está no eixo SP-RJ. Notem que eu digo elite burra porque a elite também inclui pessoas que não são preconceituosas, mas conscientes, inteligentes, que enxergam que Lula está fazendo um país muito melhor e para todos. Notem que a elite burra e preconceituosa sempre se refere ao presidente como apedeuta populista, estendendo a ofensa aos eleitores e admiradores de Lula. A elite burra, sem noção, está comemorando as vaias ao presidente Lula, vaias estas que foram orquestradas. Inconformados com o bom desempenho do presidente Lula, do governo Lula, com a alta aprovação do presidente Lula e de seu governo, apelaram para uma tentativa de desmoralização. Aproveitaram um evento que seria televisionado para todo o Brasil e o mundo para promover uma vaia ao presidente Lula. RJ e SP – governadas por prefeitos do DEM – são os redutos da elite burra, na qual se incluem os políticos da oposição feroz e virulenta e a mídia que os controla (os donos e seus empregados). É óbvio que as claques de César Maia, Garotinho, Serra, Alckmin, FHC, Kassab, e até do PSOL e PSTU, estavam presentes no evento do PAN, unidas para esse espetáculo vergonhoso. A imprensa e seus pseudo-analistas políticos necessitavam desse acontecimento para alimentar suas visões fantasiosas, mirabolantes, carregadas de ódio. Os políticos da oposição necessitavam disso para usarem em seus programas eleitorais. Até a próxima pesquisa de opinião, que vai mostrar que o presidente Lula continua com alta aprovação popular, inclusive no RJ. Noblat, Lucia Hipócrita, Ali Kamel, Fernando Rodrigues, Eliane Cantanhêde, Reinaldo Azevedo, Mainardi – todos empregados dos donos de Veja, FSP, Estadão, Globo –, estão se deleitando com a sabotagem que montaram. Mas as mistificações não duram, e em pouco tempo voltarão a ostentar suas caras de bunda, pensando em outra maneira de prejudicar o presidente Lula, prejudicar o país, prejudicar o povo. Enquanto isso o presidente Lula continua a fazer este país cada dia melhor, e o povo sente no bolso, na alma e na pele que a sua vida está melhorando a cada dia. E o povo, que ficou sabido, vai continuar a reconhecer que Lula é o melhor presidente que o Brasil já teve.
Jussara Seixas