terça-feira, 3 de julho de 2007

FHC, o invejoso

FHC ressuscitou. Está em todas. Nunca um ex-presidente foi tão citado pela mídia.
A mídia golpista adora o FHC.
Teriam sido as "negociatas" da privataria?
A base de Alcântara, que FHC queria "entregar" para os americanos? Ou teria sido o ministro da Justiça de FHC, um certo Renan Calheiros?
FHC palpita sobre tudo, mas nenhum repórter tem coragem de perguntar a ele quem é que pagou as contas do filho do senador com a jornalista da Globo.Se não foi o próprio FHC, quem foi?E o que recebeu em troca?Eu juro para vocês: se eu encontrar o FHC na rua ou em algum evento público eu vou fazer essa pergunta.
Não devemos admitir a hipocrisia: se o Lula teve de responder e o Renan Calheiros também, devemos poupar FHC?Devemos poupar as crianças, que não têm nada com isso. Digo, antes de prosseguir, que o fato de que Lula desperdiça sua taxa de aprovação apoiando Renan Calheiros é nojento. Nada justifica isso, nem a tal de "governabilidade". Renan, ACM, Sarney, Roriz - essa gente deveria ser enterrada. É o atraso do atraso do atraso do atraso. Pior que a elite brasileira, que é apenas o atraso do atraso do atraso. O problema do Lula é que ele tem medo. O sonho de Lula é ser o FHC. E o sonho do FHC é ser tão popular quanto o Lula. À revista Economist, que o considera presidente-em-exercício, FHC papagaiou um bordão que deve ter sido produzido no mesmo laboratório de onde saiu o Pan do Brasil. Alguma coisa do gênero: chega de fazer comparações com o passado, devemos fazer comparações com os nossos competidores. É óbvio que FHC não quer mais comparações com o passado. O governo Lula dá de dez a zero em todos os sentidos, inclusive no número de CPIs instaladas e em atividade, no combate à corrupção, na defesa dos interesses nacionais, na economia, na distribuição de renda e por aí afora. FHC comprou a sua reeleição e a mídia abafou o escândalo. O problema do sociólogo é que a comparação do Brasil com os competidores é favorável... ao Brasil. Se você isolar o número do PIB - que é o que fazem os puxa-sacos de FHC -, o Brasil sai perdendo. Mas você gostaria de morar na China, país de partido único, sem democracia, com a imprensa amordaçada, problemas gravíssimos no meio ambiente, falta de terras, de água e 200 milhões de camponeses miseráveis que detonam o seu salário?E na Índia, em pé de guerra com um vizinho, com graves problemas entre hindus e muçulmanos, terrorismo, fome, falta de água e a divisão da sociedade em castas?E na Rússia, com um regime autocrático, em guerra com uma de suas províncias, "cercada" pelos americanos, com centenas de mísseis nucleares apontados em sua direção?Dos BRICs o Brasil é a melhor opção para os investidores estrangeiros. Ou é por acaso que está chovendo dinheiro no Brasil?Que o dólar só faz despencar?O Brasil oferece uma plataforma razoavelmente segura para investimentos, sem comoções internas, com ótimas perspectivas de crescimento, terra e água à vontade e um monte de brasileiros dentro. É o lugar ideal para se instalar e disputar um mercado em crescimento, o da América Latina. Sim, temos um gravíssimo problema de violência, uma guerra civil não declarada por causa de uma distribuição de renda criminosa. Mas o governo que está no poder está enfrentando o problema, com resultados visíveis. Em que país do mundo as vendas pela internet têm aumento de 49% em relação aos primeiros seis meses do ano anterior?Eu não vou ficar aqui desfiando todos os números da economia. Faça isso você mesmo e vai ver que o governo Lula, ainda que enrolado com todo tipo de trapaceiro, dá de dez a zero no de FHC. Se o Lula ousasse um pouquinho mais e usasse a autoridade que tem com mais de 60 por cento de aprovação popular poderia passar feito um rolo compressor sobre FHC e sua turma... politicamente. Mas o Lula é de negociar, busca sempre o consenso, o que dá a impressão de paralisia. O Lula é melhor presidente e melhor político que FHC. E eu imagino o quanto deva doer, num professor da Sorbonne oriundo da aristocracia paulistana, o fato de perder para um nordestino que se formou no SENAI.
Publicado em 3 de julho de 2007

Um comentário:

Jussara Seixas disse...

O GOLPE É EXPLÍCITO
Sou cidadã brasileira, cumpridora de todos os meus deveres. Como cidadã brasileira, vivendo em meu país, em uma democracia plena, não vou me calar diante de tanta palhaçada, cometidos por pessoas que deveriam estar a serviço do Brasil, a serviço do povo brasileiro, defendendo a perpetuação deste estado democrático, que conquistamos com vidas e o sofrimento de muitos brasileiros. O que assisti ontem no Senado foi deprimente, a oposição perdeu totalmente a vergonha, o golpe é explícito. Depois que perderam a eleição presidência da república e para a presidência do Senado, pela segunda vez, eles não se conformam, a mídia oposicionista, golpista, está colaborando intensamente com eles. Querem ganhar o poder no tapetão, ontem abriram o jogo, subiram na tribuna do Senado e querem porque querem destituir do cargo o senador Renan Calheiros, eleito democraticamente pela maioria. Não usaram meias palavras, foram direto ao ponto, pediram sem o mínimo pudor que ele saia da presidência do Senado. O que está em curso é uma 3º chance para a oposição feroz e virulenta, chegar ao poder via Senado. Poder que eles querem para prejudicar o governo Lula, barrar os projetos do governos que vão beneficiar milhões de brasileiros. O que mais me irritou foi terem dito que esse é o clamor do povo, que essa é a vontade do povo, que é isso que o povo cobram deles, a renuncia do senador Renan. Mentira, o povo não quer isso, primeiro porque nenhum crime foi comprovado contra o senador Renan, ele já foi investigado e não há nada que indique ele usou dinheiro publico, ou recursos escusos, para se beneficiar e muito menos houve quebra do decoro parlamentar. Segundo o povo quer que esses pseudos ilibados senadores da oposição, trabalhem pelo Brasil. Votem os projetos do governo Lula, votem leis que beneficiem a sociedade. A prova da mentira que eles não tem o apoio do povo nesse golpe, é que que eles ameaçam não votar nada, obstruir a votações, se o Renan presidente do Senado não se afastar. Eles querem prejudicar o povo, para atingir seus objetivos, a volta ao poder, eles estão usando o povo em beneficio próprio, isso sim é crime. O povo quer que eles trabalhem pela melhoria da segurança, pela melhoria da saúde, da educação. O povo quer que eles votem os projetos do PAC do governo Lula para que aumente ainda mais geração de empregos e renda. Querem tentar dar o golpe no Senado, é que o governo Lula está indo muito bem, na economia, no social, na distribuição renda,na educação, na geração de empregos, vem batendo recordes e mais recordes. Apesar do imenso esforço deles contra que o país de certo, o presidente Lula está fazendo o melhor governo que este país já teve. 64% da população sente na pele,no bolso, na alma que Lula é o melhor presidente que o Brasil já teve. Como cidadã brasileira não autorizo esses da oposição feroz e virulenta, a falarem em meu nome e muito menos me usarem para atingirem seus objetivos espúrios. Cumpro o meu dever de cidadã em alertar todo o povo brasileiro sobre o perigo que nos espreita, do golpe contra democracia e o estado de direito de todos nós, cidadãos brasileiros. Temos que cobrar vergonha na cara desses que se intitulam ilibados, que pregam as suas bundas nas cadeiras do Congresso Nacional: que façam um trabalho sério pelo país e pelo povo que os elegeu, chega de discursos ofensivos, chega de discursos vazios, chega de ilações que não enchem a barriga de ninguém, não garantem emprego a ninguém, não fazem este país crescer e ser o país de todos os brasileiros.
Jussara Seixas