quarta-feira, 18 de julho de 2007

NÃO EXISTIA DEDEITO NA PISTA

NÃO EXISTIA DEFEITO NA PISTA.
Avião tocou no ponto correto da pista e continuou em linha reta e alta velocidade.
O jornalista Fernando Rodrigues (UOL) comenta: O comandante da FAB (Força Aérea Brasileira), Juniti Saito, recebeu informações dos funcionários da torre de controle do aeroporto de Congonhas atestando que o Airbus A-320 da TAM tocou a pista no local correto ao tentar aterrissar. Por alguma razão, disseram os funcionários, o avião continuou em alta velocidade. Esse dado terá de ser confirmado pela caixa-preta da aeronave. Tocar o solo no local correto numa aterrissagem é o primeiro requisito para que a operação seja bem sucedida. Em seguida, o piloto deve empreender as ações necessárias para frear o equipamento. Ainda não se sabe a razão pela qual a velocidade não foi reduzida o tanto necessário. Essa é a primeira informação técnica disponível, por enquanto, a respeito do acidente com o vôo 3054 da TAM no início da noite desta terça-feira (17.jul.2007) em Congonhas. O fato de o avião ter continuado em alta velocidade depois de ter atingido o solo –informação pendente de ser oficialmente confirmada com dados da caixa-preta– reduz muito a hipótese de os supostos defeitos na pista de Congonhas serem os únicos possíveis causadores da tragédia. Quando o avião derrapa por deficiência da pista quase sempre ocorre uma mudança imediata na trajetória em solo. As informações preliminares (atenção: preliminares!) dão conta de que o Airbus da TAM seguiu em linha reta até praticamente o final da pista, sem frear nem perder a direção.
Como choveu nos últimos dias em São Paulo, haveria também a hipótese de aquaplanagem –o avião deslizando sobre uma fina lâmina de água. Mas essa hipótese parece não fazer sentido porque o avião ficou em linha reta quase até o final da pista. Quando se dá o fenômeno da aquaplanagem é comum a aeronave jogar para um dos lados. A pista principal de Congonhas tem 1,9 km (esse, evidentemente, é um defeito sério da pista: é muito curta). Mas seria improvável em aquaplanagem o deslizamento em linha reta durante todo o percurso de 1,9 km. Além disso, ao aterrissar o piloto estaria, em tese, acionando o freio. Com aquaplanagem o avião poderia dar um "cavalo-de-pau" ou começaria a deslizar para um dos lados. Mas as informações disponíveis dão conta de não ter ocorrido o desvio de rota. Em algum momento da aterrissagem, o piloto ou alguém na cabine de comando falou algo que teria sido identificado pela torre de Congonhas como uma menção a "virar" a rota do avião. Mas ainda não está claro em que momento esse tipo de informação foi captada --se logo quando o avião tocou o solo, se na metade da pista ou no seu final, quando o Airbus acabou fazendo a curva à esquerda e atingindo um edifício da TAM Express. Por que isso teria acontecido? Não se sabe. Pode ter ocorrido algum defeito no aparelho que o impediu de frear (as turbinas não reverteram, os freios não funcionaram, enfim, várias possibilidades a serem estudadas e investigadas). Espera-se que os dados da caixa-preta possam dirimir essas dúvidas. Postado por DANIEL PEARL

2 comentários:

Anônimo disse...

Olá Helio Jampa... cara heheh vc é um comédia mesmo.... Vc tenta pregar uma imparcialidade a qual vc não possui. Em primeiro lugar, há um imagem na sua página, a favor do 3o mandato do Lula.

Em segundo, no meio do alvoroço desse acidente aéreo, vc tenta desviar a atenção com algo do tipo : "Esperem um pouco antes de culpar o Lula. Enqto isso, culpem o Serra pelo acidente no Metrô".

Olha Campeão, vc, assim como eu, sabe que vão fazer o possível para indicar que o acidente foi falha humana. E que havia sim condições de pouso, mas o Piloto deu uma vacilada, ou algum controlador errou um pouquinho, e etc etc etc.

Depois de ler seu comentário, procurei detalhes do acidente do metrô em Sampa, e comentários sobre a omissão do governo de SP.

Serra foi até que justo, comentando q não era uma questão de omissão do Governo, e sim de ver de quem era a culpa, uma vez a havia uma empresa contratada para fazer o trabalho.

Bom...deixando isso de lado...vc coloca uma imagem do Serra no meio desse acidente, e volta a critica-lo.

E vc, realmente, quer passar a idéia, que o Lula não tem nada com isso, e a mídia golpista quer jogar a culpa nele sem motivo ?

Amigo... vc ainda tem muito a aprender pra ser um pouquinho mais imparcial... um dia vc aprende que o PT tb erra...ser cego não é bom...

heliojampa disse...

Resposta para a pessoa que postou como anônimo. Eu não sou parcial, amigo. Sou defensor sim do Presidente Lula. Ataques a Lula tá tem sobrando na mídia golpista. Ontem na Band e na RedeTV, Datena e MArcelo Resende só não mandaram prender o Lula, porque não tinha nenhum Comandante disponível. O culpavam o tempo todo, porque foram gastos 19 milhões, o avião era uma jóia, portanto só podia ser culpa das autoridades. Calma, não se pode culpar sem julgamento, sem investigações. O problema quando se levantam as hipóteses, todas têm endereço, que é o Planalto. Por que não admitir erro humano? Só Lula pode errar? Por que não admitir erros nos instrumentos da aeronave? Só pode haver erro nos radares da Infraero? O contralador pode errar, sim, mas aí é um erro do controlador e não do governo. Outra coisa, eu assisto F1, sei como se comporta um carro numa pista molhada e numa pista seca. Foi usando a F1 como referencia, que eu disse desde o início, que o avião bateu com muita velocidade, o que não era admissivel, a não ser por erros entre o piloto, e a pista. Falta de investimento não foi, porque foram gastos 19 milhões e a construção foi audititada pela CPI do Apagão Aéreo, portanto tinha mais um aval. E por falar em CPI, ela própria já admitiu que o problema é técnico, resta saber de quem. Não sou isento defendo o Governo Lula, pelo menos até que se prove o contrário. No caso da queda da Gol, a mídia vagabunda no afâ de fuder o Lula, pressionou para que a Justiça soltasse os dois pilotos do Legacy. A PF terminou o inquérito, apontou os controladores e os pilotos americanos como responsáveis. Mas agora Inês nasceu morta, quem vai buscar os americanos lá nos Estados Unidos? A mídia? O PSDB? A CPI? Pois façam carreira se quiserem ver os culpados presos.