terça-feira, 10 de julho de 2007

Super Ministra da Rede Golpista

O QUE DIRÁ A MIRIAM LEITÃO ? Paulo Henrique Amorim
. O Ibama finalmente resolveu aprovar as duas usinas do Rio Madeira: o bom senso prevaleceu (clique aqui para ler a entrevista de Mauricio Tolmasquim).
. A história de “apagão energético” em 2011 é outra previsão catastrófica, que Tolmasquim refuta nessa mesma entrevista.
. Nesta segunda-feira, dia 09 de julho, saiu a pesquisa Focus do Banco Central, com o resultado das opiniões de economistas de instituições particulares.
. A previsão para o crescimento do PIB subiu na última semana.
. 2007 e 2008 terão crescimento econômico acima de 4%.
. A inflação ficará abaixo da meta fixada pelo presidente Lula: 4,5%, em 2007 e 2008.
. A balança comercial e o saldo em contas correntes devem crescer; e o investimento estrangeiro direto será de US$ 20 bilhões em 2007, e outros US$ 20 bi em 2008.
. Ou seja, as perspectivas econômicas são brilhantes – SEGUNDO A OPINIÃO DOS AGENTES PRIVADOS QUE RESPONDEM À PESQUISA FOCUS.
. O que a mídia conservadora (e golpista) pode fazer para derrubar o presidente Lula e/ou impedir que seu Governo seja bem sucedido e ele possa fazer o sucessor ?
. A mídia vai fazer qualquer coisa para botar areia nas hidrelétricas do Madeira e nas previsões da Focus.
. Como diz o Globo, a mídia vai “empacar” o PAC.
. Como fez a Miriam Leitão, que demonstrou por “a” mais “b” que construir as duas usinas no rio Madeira era uma ameaça ao equilíbrio da Humanidade (e dos bagres).
. A próxima trincheira da Miriam Leitão é desmontar o programa de bio-combustivel, um dos pontos centrais do Governo Lula (e para o futuro do Brasil).
. Ela invoca duas teses que não ficam de pé – que vai faltar comida por causa da cana e que a cana vai desmatar a Amazônica. (O Governo Lula deveria dar de graça uma gleba do Governo na Amazônia à Miriam Leitão, para ver se ela consegue fazer o que ninguém conseguiu fazer até hoje: produzir cana, com eficiência, no solo amazônico ...)
. O meu amigo Luis Hafers, que foi presidente da Sociedade Rural Brasileira, me contou hoje que fez várias tentativas de telefonar à Miriam Leitão, mas não consegue ser atendido.
. Ele tentaria demonstrar que a cana vai crescer em cima da pastagem. . E que o Brasil é um produtor de carne tão eficiente, que, cada vez mais, precisa de menos pastagens para produzir carne...
. Outra trincheira da mídia conservadora (e golpista), agora com o apoio de seu principal ideólogo, o Farol de Alexandria e seu Instituto, é minar o Governo Lula com a tese de que a questão central do Brasil é a violência.
. Aparentemente, não é mais “a crise de valores”, desde que o problema de Renan Calheiros – usar dinheiro de empreiteiro para pagar a conta de um filho fora do casamento – bateu na trave dos tucanos ....(Clique aqui para ler o que disse Luiz Carlos Azenha sobre a mídia e FHC)
. A mídia, agora, tentará provar que o Rio – a capital do problema da violência – é irrecuperável.
. E a tentativa do Presidente Lula de usar dinheiro do PAC para urbanizar as favelas do Rio e retomar dos traficantes o controle do território, como o do Alemão, resultará inútil.
. A mídia conservadora (e golpista) de São Paulo faz aí uma combinação sinistra.
. Primeiro, tenta colar o problema da violência no Governo Lula (como se a ocupação de São Paulo pelo PCC tivesse ocorrido num governo não-tucano).
. E segundo, revela um traço macabro da “elite branca” paulista: desvalorizar e demonizar o que se encontra quando você segue para o Norte, na Via Dutra.
. Na hora em que o Vale do Paraíba do Sul entra no Rio, os valores são outros, menores.
. A distância de São Paulo para o resto do Brasil – segundo essa visão tétrica da “elite branca”, expressa na mídia conservadora (e golpista) de São Paulo – se amplia aceleradamente.
. Breve assistiremos em São Paulo à criação do partido Forza Itália – o que estará na capa da revista Veja –, ou o ataque ao Forte Sumter, no próximo dia 09 de julho.
Em tempo: o “Bom (?) Dia Brasil” desta manhã conseguiu transformar a licença para construir as usinas do Madeira numa péssima notícia. Os cinco notáveis especialistas – Renato Machado, Renata Vasconcellos, Claudia Bom (?) Tempo, Miriam Leitão e Vladimir Neto – botaram defeito na licença, nas usinas e cantaram a mesma ladainha: vai faltar energia em 2009, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016 ... Por que será que a Globo não conseguiu prever o apagão do Governo do Farol de Alexandria, vulgo FHC ?

Nenhum comentário: