domingo, 23 de setembro de 2007

Partido político?

“O governo decidiu que vai ampliar a guerra com o Tribunal de Contas da União, ao acusar o órgão de querer governar sem ganhar as eleições. O TCU tem exigido fiscalização antecipada em todas as concorrências, licitações e contratos para encomenda de compra de serviços de engenharia e produtos. A chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, ao fazer o balanço do PAC, acusou o TCU de atrapalhar o governo e comunicou que vai responder a todas as denúncias feitas pelo órgão na próxima semana. Um grupo de trabalho já está em ação na Advocacia Geral da União para contestar todas as reclamações. O governo pode ir ao Supremo. O governo acusou o TCU de agir como partido político de oposição e de estar extrapolando suas funções, ao interferir em obras em execução e de fazer auditorias prévias com funcionários sem conhecimento de engenharia. A Infraero, por exemplo, apresentou queixa formal ao Conselho Regional de Engenharia, alegando que o TCU tem enviado técnicos de contabilidade para fazer inspeção em obras de engenharia, porque o órgão só tem cinco engenheiros para cuidar de mais de 200 obras. A Petrobras já tem investido contra o TCU por meio de várias ações no Supremo Tribunal Federal, onde sempre ganha.” Walter Diogo, Jornal do Brasil

Nenhum comentário: