quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

ABUTRES E BRUXA COMEMORAM




PSDB/DEM comemoram a derrota do povo no senado. Eles não têm respeito pela maioria do povo brasileiro, que depende dos hospitais públicos, que depende dos programas sociais do governo Lula para deixarem de ser excluídos da cidadania. Esses senadores tinham plena consciência de que iriam prejudicar muito a maioria do povo ao acabar com a CPMF. Não se importaram. Só importava contrariar o governo. Não ganharam nas urnas, no voto, agora se vingam do povo. O mais excitado era Arthur Virgilio 5%, a abominação do Amazonas. Vingou-se dos amazonenses que não o elegeram governador em 2006. César Borges e Romeu Tuma se acorvadaram com as ameaças do DEM. Trocaram de partido, mas a mentalidade raivosa e virulenta falou mais alto. Geraldo Mesquita é aquele ex-PSOL, agora PMDB (AC), acusado de embolsar 40% do salário de funcionários de seu gabinete. Uma reportagem do Jornal do Brasil mostra a gravação de conversas de dois assessores de Mesquita que confirmam o confisco no pagamento. Um deles recebia R$ 1 mil e recolhia R$ 410 ao senador. Esse sujeitinho jamais votaria a favor do povo. Os coronéis do Nordeste, Tasso Jereissati, Agripino Maia, Mão Santa, Heráclito Fortes, Jarbas Vasconcelos, Mario Couto, odeiam pobres. O título Bruxa Asquerosa fica com a senadora Kátia Abreu, do DEM (TO), feroz defensora de fazendeiros que mantêm trabalhadores em regime de escravidão. Com esse grupelho nefasto infestando o Senado, não poderia ser diferente.

Jussara Seixas

Nenhum comentário: