sábado, 19 de janeiro de 2008

Combate à Corrupção no Governo Lula.

“O combate à corrupção e, sobretudo, à impunidade na Administração Pública Federal levou agentes do governo federal a aplicar, em 2007, o número recorde de 437 penas expulsivas de funcionários públicos envolvidos em irregularidades. Desse total, as demissões somaram 386 casos, as destituições de cargo, 22 e as cassações de aposentadorias, 29.


Desde 2003, o número de punições expulsivas chegou a 1.622. Entre elas, 1.421 demissões, 108 destituições de cargo e 93 cassações de aposentadorias. Ao revelar os números, o secretário-executivo da CGU, Luiz Navarro, explicou que eles decorrem da vontade do ministro Jorge Hage de sepultar a histórica cultural da impunidade que há décadas impera no país.”
Jornal do Brasil.

Nenhum comentário: