sábado, 15 de março de 2008

Ou o Banco Central modifica sua política monetária ou teremos uma crise financeira

 
A manutenção da atual política monetária, que faz com que nossa taxa de juros seja a mais alta do mundo, está levando nosso país à uma crise anunciada. Os primeiros sinais dessa crise já estão surgindo no horizonte. No último mês de janeiro,o balanço de transações correntes (balança comercial mais serviços),ficou negativo em U$ 4,2 bilhões, com um déficit acumulado de U$ 1,2 bilhão nos últimos 12 meses.
O Banco Central, com essa política covarde, está mantendo a taxa selic em 11,25%, porém já sinalizando que poderá aumentá-la em breve, apesar de todos os indicadores da economia não recomendarem tal aumento.
Se isso vier acontecer, estará ocorrendo uma verdadeira sabotagem às medidas recentemente anunciadas pelo govêrno, para reduzir a entrada de dólares no nosso país, já que nossos juros reais estão em torno de 6,5% e os norte-americanos, praticamente negativos.Não podemos repetir o êrro do govêrno tucano que alto custo teve para o nosso país.

Blog de Um Sem Mídia

Nenhum comentário: