quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Oposição desesperada: PIB do 1º semestre supera expectativas e sobe 6%

O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil cresceu 6% no primeiro semestre deste ano, em comparação com igual intervalo do ano passado, segundo dados divulgados nesta quarta-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Do jeito que estamos, quem quer a volta dos DEMoníacos-Tucanos?

No segundo trimestre, a expansão foi de 6,1% em relação a igual período do ano passado e de 1,6% em comparação com o primeiro trimestre do ano. Nos quatro trimestres encerrados em julho, o crescimento também foi de 6%. O crescimento nos três primeiros meses do ano havia sido de 5,8% em relação a um ano antes e 0,7% sobre o trimestre imediatamente anterior. O Produto Interno Bruto (PIB) medido a preços de mercado, no segundo trimestre de 2008, alcançou R$ 716,9 bilhões, sendo R$ 608,5 bilhões referentes ao valor adicionado a preços básicos e R$ 108,4 bilhões aos impostos sobre produtos. O resultado do semestre é o melhor para o período desde 2004, quando o PIB teve alta de 6,6% entre janeiro e junho. No ano passado, o PIB do primeiro semestre teve alta de 4,9% em relação a 2006. Entre os setores que contribuem para a geração do valor adicionado - recuesos para a economia - no segundo trimestre destacam-se a agropecuária (7,1%), indústria (5,7%) e serviços (5,5%), sempre na comparação com o mesmo trimestre de 2007. Da redação, com agências

Nenhum comentário: