segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Transposição: Exército nega paralisação de obras e mantem cronograma


  
O Exército desmentiu nesta segunda-feira 5 informações, publicadas na edição de hoje da Folha de São Paulo, de que as obras de transposição do São Francisco estariam paralisadas. A assessoria garantiu ao portal WSCOM Online que a interrupção das obras foi provocada pelo recesso de final de ano, mas já está sendo retomada a partir de hoje. O Exército disse ainda o cronograma não deve sofrer alterações, sendo concluído em 2010. O Batalhão de Engenharia do Exército já executou 16% do canal de aproximação de 5,8 km e 55 % da Barragem de Areias. Nessa etapa reiniciada hoje o efetivo está realizando compactação da barragem e continua na abertura dos canais. O Ministério da Integração Nacional liberou R$ 48,9 milhões para o Projeto de Integração do rio São Francisco com Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional neste mês de dezembro. Os recursos foram repassados para o Exército brasileiro por meio do Ministério da Defesa. Para a construção do canal de aproximação e da Barragem de Areias, foram destinados R$ 36,9 milhões. E um total de R$ 12 milhões serão aplicados na construção do canal de aproximação e da Barragem de Tucutu, incluído no Eixo Norte do Projeto São Francisco. O Eixo Norte atenderá os Estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte e tem garantido pelo PAC (2007-2010) R$ 2,89 bilhões. Serão 402 km de canal, englobando também a construção de canal (trecho V), estações de bombeamento, reservatórios, túneis e aquedutos. O Batalhão de Engenharia do Exército já executou 24,7 % do canal de aproximação de 2,1 km e 32,2% da Barragem de Tucutu.
Mônica Melo WSCOM Online

Nenhum comentário: