quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Conselho de Ética arquiva denúncias contra Sarney

Atos secretos?
Segundo o Senador Wellington Salgado (MG) todos os líderes no Senado sabiam das decisões, que ora são chamadas de "Atos Secretos".
Hoje, dia 05 de agosto, José Sarney se defendeu e acusando ao mesmo tempo, os ex presidentes, como responsáveis pelos atos secretos no passado, que tem relevancia no presente. Acho que, antes que alguém fale em pizza, condenar alguém por simples recortes de jornais, é demais da conta, né não? E, para ser mais esclarecedor, antes que os dedos em riste apontem para alguem, não é dificil dentro da Administração do Senado, comprovar a defesa do José Sarney ou a veracidade das acusações dos senadores. Afinal de contas, em primeiro lugar os atos não eram nada secretos, eles apenas não eram divulgados na Intranet, ou ainda não assinados pelo presidente, mas que tinham o aval de outros diretores do Senado e, sempre, serviam a interesse dos nobres colegas com assentos no Senado Federal.
O Conselho de Ética do Senado arquivou as representações contra Sarney, mas a coisa não acaba aqui, vem desdobramentos nos próximos dias, já que o Presidente do PSDB ameaçou ir as ruas em marcha, liderada pelos senadores Tasso Jereissati, o coronel do Ceará, Cícero Lucena, o chefe da confraria na Paraiba, entre outras personalidades de moral ilibada??
A mídia por enquanto silenciou, mas esse silencio pertuba, já que ela foi colocada em suspeição, e acusada de armar denúncias. A denúncia de José Sarney teve guarida, é tanto que umas das representações contra ele, eram recortes de jornais, o que foi invalidada. Esperamos o que vai acontecer nos próximos dias, já que o PMDB representou contra Artur Virgilio (PSDB-AM), e que Simon deve representar contra Collor. Parece que ali, motivo não falta para alguém detonar alguém, o que falta é a oportunidade. É como na música de Chico Buarque: "de tudo que era lado vinha um bom motivo para te esfolar". Yeda Cruzes!!!

Um comentário:

Pepe s2 Luci disse...

É hora de tirar as mascaras.

O coronel do senado tem o poder de intervenção e se livra de mais uma, o que os senadores tem a perder com essa cumplicidade, o que o brasil tem a ganhar com esse circo armado no congresso, o povo tem que sair do picadeiro e tirar o nariz de palhaço, arrancar a mascara dos congressistas com o voto. Chega de escândalos a impunidade é uma luta dos inconformados a corrupção é uma praga silenciosa, que acaba com os recursos públicos, diga não a falta de ética, diga não a falta de vergonha, doe sua voz.

Peterson Correa Pimentel
(www.terceiromundo.spaceblog.com.br)