segunda-feira, 30 de abril de 2012

Quando a mídia é parcial!

Blitz do Detran apreende carro de luxo que circula na cidade há dois meses sem licenciamento.


Lamborghini de empresário é flagrado circulando sem placa desde fevereiro (Foto: Divulgação/Detran-PB)
>Quando a mídia é forçada a dar uma notícia, mas não entra em detalhes por interesse próprio. Com certeza todo mundo sabe o nome do motorista proprietário desse automóvel, mas o nome dele não aparece nem com reza braba.Fosse um humilde motorista com um humilde automóvel, e com um humilde deslize nesse carro, saberíamos dos nomes até dos vizinhos. Gente fina é outra coisa. Erra por esporte. Pobre erra porque é do seu destino da sua índole, por isso merece o rigor da Lei??.

Um carro de luxo foi apreendido em João Pessoa neste fim de semana durante uma blitz do Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran-PB), por estar circulando pela cidade há cerca de dois meses sem placa. O veículo Lamborghini modelo Gallardo Spyder 2012 pertence a um empresário que mora na capital. De acordo com o superintendente do Detran, Rodrigo Carvalho, como a abordagem foi feita na noite da sexta-feira passada (dia 27), o carro foi encaminhado ao pátio do órgão e os procedimentos de regularização só poderão ser feitos a partir da segunda-feira (dia 30).
O flagrante, segundo o superintendente, aconteceu em uma blitz com foco na Lei Seca promovida no bairro de Manaíra. Segundo ele, o Código de Trânsito Brasileiro define um prazo de 30 dias para que o proprietário providencie o emplacamento de seu veículo, sendo vetada sua circulação sem nota fiscal da compra e sem o protocolo do pedido de emplacamento. Passado este período, o veículo pode ser recolhido pelo Detran.
Conforme Rodrigo Carvalho, o carro só poderá voltar às ruas depois que as documentações do emplacamento e do licenciamento forem resolvidas. "A orientação que nós damos ao policiamento é cumprir a legislação de trânsito independente de qual carro, ou moto esteja em situação irregular. A gente não procura verificar se é mais caro ou o mais simples. Fazemos independente das características do veículos, pois devemos cumprir a legslação para todos e abordar os cidadãos de forma respeitosa", explicou.
Ainda segundo o representante do Detran na Paraíba, o proprietário também terá que pagar uma multa por trafegar fora dos critérios previstos no Código de Trânsito e ainda terá pontuação inserida em sua carteira nacional de habilitação.
Do G1 PB

domingo, 29 de abril de 2012

Em João Pessoa, professores e donos de escolas não chegam a um acordo e greve pode ser deflagrada.

Em João Pessoa-PB, Professores não chegam a consenso e greve pode ser decretada.


Professores da rede privada se reúnem, não chegam a consenso e greve pode ser decretada na próxima semana.
Os professores dos estabelecimentos de ensino privado na Paraíba podem decretar greve na próxima quinta-feira (3). O comunicado ocorreu após duas negociações – sem nenhum entendimento consensual.
De acordo com José Avenzoar, coordenador do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino Privado na Paraíba ( Sinteenp), o conselho do sindicato se reuniu na manhã deste sábado (28) onde foi avaliada a decisão da mesa redonda que optou pela greve.
Conforme Avenzoar, a reunião que ocorrerá na próxima semana na Delegacia Regional do Trabalho deverá ser decisiva para a deflagração do movimento grevista no Estado.
Para o coordenador, a greve deverá ocorrer de forma setorial ( algumas escolas) em virtude de alguns empresários já oferecem o reajuste salarial nos contracheques.
Avenzoar afirmou ainda que existem alguns pontos que são considerados inegociáveis pelos trabalhadores e outros que até podem ser objetos de negociação, mas não do jeito que os donos de escolas querem. Um dos pontos de discordância entre os dois sindicatos é referente ao reajuste nos salários dos trabalhadores.
O Sinteenp cobra um reajuste de 15%, enquanto o sindicato patronal pretende oferecer um aumento de apenas 4%, abaixo do valor da inflação no ano passado, que segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV) fechou 2011 em 6,36%.
“Além disse, eles querem retirar o direito a incorporação das parcelas pagas por mais de seis meses, ou seja, querem reduzir a carga horária e o salário dos professores”, comenta Avenzoar.
Correio

sexta-feira, 27 de abril de 2012

26/04/2012

Prego Batido:

Durval abandona o barco do PSB e abraça a candidatura de Luciano Cartaxo do PT em João Pessoa - PB.


O presidente da Câmara Municipal, vereador Durval Ferreira, sempre foi um fator decisivo nas eleições da capital. Homem discreto, sem muito deslumbramento pela mídia e pela oratória, Durval prefere a política do pé de ouvido onde as necessidades quase sempre são reveladas. Dentro desse estilo derrotou por duas vezes o governador Ricardo Coutinho que não o queria como presidente da Casa.
Em meio ao rebuliço que agita as siglas na capital, Durval guardou silêncio e a hora mais propícia para revelar seu apoio e do partido, o PP, cuja influência se faz sentir desde as esferas federais na pessoa do ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro.
Confidente e amigo do prefeito Luciano Agra a quem deu a mão e orientou os passos dentro do parlamento construindo uma atmosfera favorável ao técnico pouco afeito as manhas dos políticos, Durval abandonou a aliança com o PSB depois que Agra foi removido da condição de candidato nato da legenda para ser substituído pela desconhecida e contestada figura de Estelizabel.
Numa operação quase que sigilosa durante um final de semana, Durval atraiu para sua órbita outro Luciano desta feita o Cartaxo e construiu com ele uma aliança que se estende até Campina Grande e que pode mudar o relevo político das duas maiores cidades do Estado.
A estratégia estabelecida pelo presidente Durval provocou um rombo descomunal e irreparável na couraça já combalida do PSB. Ela sinaliza para uma nova geografia, onde a figura jovem e simpática de Luciano Cartaxo pode contagiar o eleitor de João Pessoa, caso identifique no novo parceiro de Durval, aquelas qualidades que buscou um dia em Ricardo, mas que resultaram em tremenda e insuportável decepção.
Durval exerce sobre os companheiros de parlamento uma inquestionável liderança que o conduziu e reconduziu a presidência sem contestações e sem resistência. Essa turma capaz de seguir seu “pastor” por qualquer caminho que ele apontar controla o poder político desta cidade e para onde pender transformará em votos o que ainda não passa de intenção.
A decisão de Durval de se aliar ao PT isola e enfraquece ainda mais a candidata do governador em João Pessoa, Estelizabel, e confirma que a escolha do Mago se constituiu numa infelicidade sem tamanho já que, além de desagregar seu partido contribuiu para afastar aliados, e reforçar os adversários.
Durval Ferreira fala pela primeira vez sobre aliança e revela: "PP e PT em JP serão unha e carne.
O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, Durval Ferreira (PP), pôs um fim no seu silêncio e declarou de vez seu apoio a pré-candidatura do deputado estadual Luciano Cartaxo (PT) às eleições deste ano. O parlamentar revelou que a partir de agora as duas legendas irão caminhar juntas.
“O PP e o PT, em João Pessoa, serão unha e carne”, revelou Durval Ferreira durante entrevista coletiva concedida na manhã desta quinta-eira (26) na Assembleia Legislativa da Paraíba.
Desde que PP e PT decidiram se aliar, decisão tomada no último domingo (22), Durval ainda não havia se pronunciado. No entanto, hoje ele decidiu se posicionar a respeito da aliança.
“João Pessoa agora vai ter o candidato que merece. Acredito que Luciano Cartaxo sairá vencedor dessa disputa”, disse Durval.
Com a declaração do presidente da Câmara a pré-candidata do PSB, Estelizabel Bezerra, perde um importante aliado para as eleições deste ano.
Fonte: PoliticaPB

Para botar um fim nessa discussão, finalmente o

STF aprova cota racial em universidade


As cotas raciais nas universidades são constitucionais. Por unanimidade, o Supremo Tribunal Federal (STF) julgou ontem que as políticas afirmativas não violam o princípio da igualdade e não institucionalizam a discriminação racial, como defendeu o Democratas, autor da ação julgada.
Os dez ministros - Dias Toffoli não participou do julgamento - deram o aval para que universidades brasileiras reservem vagas para negros e índios em seus processos seletivos e afirmaram que as ações afirmativas são necessárias para diminuir desigualdades e compensar uma dívida resultante de séculos de escravidão. No caso julgado ontem, o STF concluiu que a política de cotas estabelecida pela Universidade de Brasília (UnB) não viola a Constituição.
O mais aguardado dos votos foi dado pelo ministro Joaquim Barbosa, único negro a integrar o Supremo, que, na semana passada, disse ser vítima de racismo na própria Corte. 'Na História não se registra na Era Contemporânea nenhuma nação que tenha se erguido da condição periférica à condição de potência política mantendo no plano doméstico uma política de exclusão, aberta ou dissimulada, pouco importa, em relação a uma parcela expressiva de sua população', afirmou Barbosa.
Anteontem, o relator do processo, Ricardo Lewandowski, havia votado favoravelmente às políticas de cotas. 'A construção de uma sociedade justa e solidária impõe a toda coletividade a reparação de danos pretéritos perpetrados por nossos antepassados', afirmou Luiz Fux, o primeiro a votar ontem.
Rosa Weber afirmou que a disparidade racial no Brasil é flagrante e a política de cotas não seria razoável se a realidade social fosse outra. 'A pobreza tem cor no Brasil: negra, mestiça, amarela', disse. 'Se a quantidade de brancos e negros pobres fosse aproximada, seria plausível dizer que o fator cor é desimportante', acrescentou.
Temporária. Os ministros ressaltaram que a política de cotas deve ser temporária, até que essas disparidades sejam corrigidas. 'As ações afirmativas não são a melhor opção, mas são uma etapa. O melhor seria que todos fossem iguais e livres', disse Cármen Lúcia.
Marco Aurélio Mello afirmou que a neutralidade estatal ao longo dos anos resultou em um fracasso. 'Precisamos saldar essa dívida. Ter presente o dever cívico de buscar o tratamento igualitário', disse.
Apesar de votar a favor das cotas, o ministro Gilmar Mendes ressaltou que a reserva de vagas para afrodescendentes pode gerar situações controversas. Na sua opinião, o ideal seria que a ação afirmativa fosse baseada em critérios socioeconômicos.
Mendes classificou como caricatural o estabelecimento de um 'tribunal racial' que define se o candidato é ou não é negro. Como exemplo, o ministro citou o episódio envolvendo gêmeos univitelinos. Um foi considerado negro e o outro branco para a política de cotas.
Cezar Peluso disse que o sistema 'é um experimento que o Estado brasileiro está fazendo e que pode ser controlado e aperfeiçoado'. 'O mérito é critério justo. Mas apenas para os candidatos que tiveram oportunidades', afirmou o ministro.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Criança Esperança?

Dentro de poucos dias teremos novamente o "CRIANÇA ESPERANÇA", ENTÃO LEIA COM ATENÇÃO E SE ENTENDER QUE DEVE, REPASSE AOS SEUS CONTATOS....


SE 30% DOS BRASILEIROS (AS) FIZESSEM O QUE A SRA. ELIANE ESTÁ FAZENDO, O BRASIL SERIA OUTRO.
PARABÉNS.
CARTA ABERTA DE ELIANE SINHASIQUE (jornalista e publicitária) PARA RENATO ARAGÃO (o Didi da REDE GLOBO DE TELEVISÃO) . . . . . !!!


Nota DEZ para essa mulher ! Parabéns !

Querido Didi,
Há alguns meses você vem me escrevendo pedindo uma doação mensal para enfrentar alguns problemas que comprometem o presente e o futuro de muitas crianças brasileiras. Eu não respondi aos seus apelos (apesar de ter gostado do lápis e das etiquetas com meu nome para colar nas correspondências) ..........
Achei que as cartas não deveriam ser endereçadas a mim. Agora, novamente, você me escreve preocupado por eu não ter atendido às suas solicitações.
Diante de sua insistência, me senti na obrigação de parar tudo e escrever uma resposta.

Não foi por " algum motivo " que não fiz a doação em dinheiro solicitada por você. São vários os motivos que me levam a não participar de sua campanha altruísta (se eu quisesse poderia escrever umas dez páginas sobre esses motivos).
Você diz, em sua última carta, que enquanto eu a estivesse lendo, uma criança estaria perdendo a chance de se desenvolver e aprender pela falta de investimentos em sua formação !

Didi, não tente me fazer sentir culpada. Essa jogada publicitária eu conheço muito bem. Êsse tipo de texto apelativo pode funcionar com muitas pessoas mas, comigo não. Eu não sou ministra da educação. Não ordeno e nem priorizo as despesas das escolas e nem posso obrigar o filho do vizinho a freqüentar as salas de aula.
A minha parte eu já venho fazendo desde os 11 anos de idade, quando comecei a trabalhar na roça para ajudar meus pais no sustento da família.
Trabalhei muito e, te garanto, TRABALHO NÃO MATA NINGUEM! Muito pelo contrário, faz bem !
Estudei na escola da zona rural, fiz Supletivo, estudei à distância e muito antes de ser jornalista e publicitária eu já era uma micro- empresária.
Didi, talvez você não tenha noção do quanto o GOVERNO FEDERAL tira do nosso suor para manter a saúde, a educação, a segurança e tudo o mais que o povo brasileiro precisa. Os impostos são muito altos! Sem falar dos Impostos embutidos em cada alimento e em cada produto ou serviço que preciso comprar para o sustento e sobrevivência da minha família.
Eu pago pela educação duas vezes: pago pela educação na escola pública, através dos impostos, e na escola particular, mensalmente, PORQUE SOMENTE A ESCOLA PÚBLICA NÃO ATENDE COM ENSINO DE QUALIDADE QUE, ACREDITO, MEUS DOIS FILHOS MERECEM !!!
Não acho louvável recorrer à sociedade para resolver um problema que nem deveria existir, pelo volume de dinheiro arrecadado em nome da educação e de tantos outros problemas sociais!
O que está acontecendo, meu caro Didi, é que os administradores dessa dinheirama toda não veêm aeducação como prioridade!
PARA ÊLES, A EDUCAÇÃO LHES RETIRA A SUBSERVIÊNCIA E ÊSSE FATO, POR SI SÓ, NÃO INTERESSA AOS POLÍTICOS QUE ESTÃO NO PODER. POR ISSO, O DINHEIRO ESTÁ SAINDO PELO RALO; ESTÃO JOGANDO FORA , OU APLICANDO MUITO MAL!!!
Para você ter uma idéia, na minha cidade cada alimentação de um presidiário custa para os cofres públicos R$ 8,82 (oito reais e oitenta e dois centavos), enquanto que a merenda de uma criança na escola pública custa R$ 0,20 (vinte centavos)!!! O governo precisa rever suas prioridades, você não concorda ? Você pode ajudar a mudar isso! Não acha?
Você diz em sua carta que não dá para aceitar que um brasileiro se torne adulto sem compreender um texto simples ou conseguir fazer uma conta de matemática. Concordo com você!
É por isso que sua carta não deveria ser endereçada à minha pessoa. Deveria ser endereçada a Presidente da República!!!
Ela é " a cara " !!! Ela é quem tem a chave do cofre e a vontade política para aplicar os recursos!
Eu e mais milhares de pessoas só colocamos o dinheiro lá para que ela faça o que for correto e necessário para melhorar a qualidade de vida das pessoas do país, sem nenhum tipo de distinção ou discriminação. MAS, NÃO É O QUE ACONTECE!!!
No último parágrafo da sua carta, você joga, mais uma vez, a responsabilidade para cima de mim, dizendo que as crianças precisam da "minha doação" e que a "minha doação" faz toda a diferença...
Lamento discordar de você, Didi!!! Com o valor da doação mínima de R$ 15,00(quinze reais) eu posso comprar 12 quilos de arroz para alimentar minha família por um mês, ou posso comprar pão para o café da manhã para 10 dias......!!!
Didi, você pode até me chamar de muquirana, não me importo, mas, R$ 15,00(quinze reais) eu não vou doar! Minha doação mensal já é muito grande. Se você não sabe, eu faço doações mensais de 27,5% de tudo o que ganho!!!
Isso significa que o governo leva mais de um terço de tudo que eu recebo e posso te garantir que essa grana, se ficasse comigo, seria muito melhor aplicada na qualidade de vida da minha família!
Você sabia que para pagar os impostos eu tenho que dizer NÃO para quase tudo que meus filhos querem ou precisam ? Meu filho de 12 anos quer praticar tênis e eu não posso pagar as aulas que são caras demais para nosso padrão de vida. Você acha isso justo ? Acredito que não. Você é um homem de bom-senso e saberá entender os meus motivos para não colaborar com sua campanha pela educação brasileira.

Outra coisa Didi, MANDE UMA CARTA PARA A PRESIDENTE "DILMA" pedindo para ela selecionar melhor os ministros e também os professores das escolas públicas ! Só escolher quem, de fato, tem vocação para ser ministro e para o ensino.
Melhorar os salários daqueles profissionais também funciona para que êles tomem gosto pela profissão e vistam, de fato, a camisa da educação ! Peça para ela, também, fazer escolas de horário integral, escolas em que as crianças possam, além de ler, escrever e fazer contas, possam desenvolver dons artísticos, esportivos e habilidades profissionais. Dinheiro para isso está sobrando sim ! Diga para ela priorizar a educação e utilizar melhor os recursos.
Bem, você assina suas cartas com o pomposo título de Embaixador Especial do Unicef para Crianças Brasileiras e eu vou me despedindo assinando... Eliane Sinhasique - Mantenedora Principal dos Dois Filhos que Pari!!!
P.S.: Não me mande outra carta pedindo dinheiro. Se você mandar, serei obrigada a ser mal-educada: vou rasgá-la antes de abrir.
PS2* Aos otários que doaram para o criança esperança, fiquem sabendo : AS ORGANIZAÇÕES GLOBO ENTREGAM TODO O DINHEIRO ARRECADADO À UNICEF E RECEBEM UM RECIBO DO VALOR PARA DEDUÇÃO DO SEU IMPOSTO DE RENDA!!!
Para vocês a Rede Globo anuncia: essa doação não poderá ser deduzida do seu imposto de renda!
PORQUÊ É ELA QUEM O FAZ!!!
PS3* E O DINHEIRO DA CPMF QUE PAGAMOS DURANTE 11(ONZE) ANOS?
MELHOROU ALGUMA COISA NA EDUCAÇÃO E NA SAÚDE DURANTE ESSES ANOS?
BRASILEIROS PATRIOTAS (e feitos de idiotas) !!!DIVULGUEM ESSA REVOLTA....
isto deveria chegar a Brasilia, não acha???

Meus Comentários.

Acho válida a revolta e gostaria que fosse estendida para todo o país, mas algumas considerações precisam ser feitas a fim de melhorar o texto:
1 - Apesar do desconto do IR ser alto, e ainda o governo ser o primeiro a botar a mão nele,(27%), uma boa parte ou até o todo desse imposto é restituído;
2 - O Governo não pode escolher os professores, já que esses são escolhidos por concurso público;
3 - Precisa ver, que não é só o Governo Federal o responsável pela Educação; os Governos Estaduais e os Municipais precisam ser cobrados também.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Afinal, o que é a espiritualidade?

Espiritualidade


Hoje fala-se muito de espiritualidade e das revoluções interiores, que ela pode operar no ser humano. Visto assim a frio, parece-me um conceito vago e abstrato, com um valor relativo, pois cada pessoa entende-a e trabalha-a, consoante vai alargando a sua perceção do mundo. Eu chamo-lhe consciência. Cada vez que a minha visão do mundo se altera, eu tomo consciência da transformação interior, que ela provocou em mim. E isso, naturalmente, vai alterar o meu modo de agir, em determinadas circunstâncias. Para mim, a espiritualidade é a liberdade de pensar, indagar e agir conforme a minha consciência, sem amarras a dogmas, conceitos ou preconceitos sociopolíticos e religiosos.
O curioso é que este conceito, aparentemente acoplado às religiões – principalmente cristãs –, parece ter sido, durante anos, marginalizado ou ignorado pelas mesmas. Com o aparecimento de novas filosofias e novos valores dados à espiritualidade – pois o Homem muda, tal como as conjunturas em que vive -, as religiões estão a tentar repescá-lo adaptando-o aos seus próprios dogmas. Vi um artigo cristão onde esse esforço é visível.
(…) Para pôr ordem ao modo de entender o mundo, o dividimos em dois: o sagrado e o profano. A maneira como nos relacionamos com o sagrado são da esfera da espiritualidade.(…)
Parece-me que a espiritualidade, pelo menos como eu a entendo, não tem nada a ver com a dualidade simplista das diversas igrejas cristãs. Para melhor compreensão do conceito, deixo abaixo um excelente texto, que encontrei no blog da psicóloga Atena Vieira, escrito pelo físico nuclear, Guido Nunes Lopes.

Religião e espiritualidade.


A religião não é apenas uma, são centenas.
A espiritualidade é apenas uma.
A religião é para os que dormem.
A espiritualidade é para os que estão despertos.
A religião é para aqueles que necessitam que alguém lhes diga o que fazer, querem ser guiados.
A espiritualidade é para os que prestam atenção à sua Voz Interior.
A religião tem um conjunto de regras dogmáticas.
A espiritualidade te convida a raciocinar sobre tudo, a questionar tudo.
A religião ameaça e amedronta.
A espiritualidade lhe dá Paz Interior.
A religião fala de pecado e de culpa.
A espiritualidade lhe diz: “aprende com o erro”.
A religião reprime tudo, te faz falso.
A espiritualidade transcende tudo, te faz verdadeiro!
A religião não é Deus.
A espiritualidade é Tudo e portanto é Deus.
A religião inventa.
A espiritualidade descobre.
A religião não indaga nem questiona.
A espiritualidade questiona tudo.
A religião é humana, é uma organização com regras.
A espiritualidade é Divina, sem regras.
A religião é causa de divisões.
A espiritualidade é causa de União.
A religião lhe busca para que acredite.
A espiritualidade você tem que buscá-la.
A religião segue os preceitos de um livro sagrado.
A espiritualidade busca o sagrado em todos os livros.
A religião se alimenta do medo.
A espiritualidade se alimenta na Confiança e na Fé.
A religião faz viver no pensamento.
A espiritualidade faz Viver na Consciência.
A religião se ocupa com fazer.
A espiritualidade se ocupa com Ser.
A religião alimenta o ego.
A espiritualidade nos faz Transcender.
A religião nos faz renunciar ao mundo.
A espiritualidade nos faz viver em Deus, não renunciar a Ele.
A religião é adoração.
A espiritualidade é Meditação.
A religião sonha com a glória e com o paraíso.
A espiritualidade nos faz viver a glória e o paraíso aqui e agora.
A religião vive no passado e no futuro.
A espiritualidade vive no presente.
A religião enclausura nossa memória.
A espiritualidade liberta nossa Consciência.
A religião crê na vida eterna.
A espiritualidade nos faz conscientes da vida eterna.
A religião promete para depois da morte.
A espiritualidade é encontrar Deus em Nosso Interior durante a vida.
Guido Nunes Lopes – Físico, Doutor em Energia Nuclear na Agricultura, ARC – Academia Roraimense de Ciências, UFRR – Universidade Federal de Roraima.

domingo, 15 de abril de 2012

Eleição em João Pessoa - PB

Eleições 2012: Pesquisa revela desgaste dos girassóis; eleitor pessoense demonstra preferir a experiência e descarta ‘novidades’ como Estela.


Maranhão, o velho que satisfaz, lidera com folga.


O primeiro resultado da pesquisa divulgada pelo Instituto Consult/Correio é um desastre para o governador Ricardo Coutinho já que sua candidata simplesmente não existe. Com um ano e quatro meses, como governador e depois de quase oito anos no controle da capital, os pífios 7,7% concedidos a Estelizabel revelam o profundo fosso existente entre o governador e o eleitor da capital, além do enorme desgaste que a sua personalidade controvertida adquiriu.
Seu mais ferrenho adversário, Cícero Lucena, depois de massacrado por todos esses anos mostrou uma enorme capacidade de resistência e de sobrevivência ao conquistar a segunda colocação com 20,4% das intenções de voto.
Derrotado a menos de um ano pelo Mago, Maranhão confirmou que ainda está vivo e, caso se livre dos problemas da Justiça dificilmente deixará de conquistar a prefeitura.
Os números da pesquisa, apesar de comemorados palidamente pela candidata oficial merecem uma avaliação cuidadosa já que, eles apontam para o começo do fim, caso Ricardo não faça uma reflexão sobre a forma como vem se conduzindo politicamente.
Os outros aliados, Geraldo Amorim e Nonato Bandeira, conseguiram pontuar o que já é motivo de comemoração. Eles não contam com o tremendo aparato de uma máquina empregada sem pudor na caça ao voto do eleitor com vínculos com o estado.
Luciano Cartaxo (PT) revelou fôlego e expectativa de crescimento se contar com o apoio indispensável da legenda petista e de suas principais figuras como a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula.
O ex-governador José Maranhão (PMDB) lidera a primeira rodada de pesquisa realizada pelo Sistema Correio de Comunicação na corrida pela prefeitura de João Pessoa. O peemedebista tem 27,6% das intenções de voto do pessoense, seguido pelo senador Cícero Licena (PSDB) com 20,4% e do deputado Luciano Cartaxo (PT) com 10,4%.
Na quarta colocação aparece a pré-candidata do PSB, Estelizabel Bezerra, com 7,7% do votos, seguida do jornalista Nonato Bandeira com 2,4%. Logo após aparecem Ítalo Kumamoto (PSC) com 1,7%, Geraldo Amorim (PDT) com 1,0% e Renan Palmeira (PSol) com 0,2%.
Na pesquisa espontânea Maranhão também aparece em primeiro lugar com 12% das intenções de voto, seguido por Cícero Lucena com 8,9%, Luciano Agra com 8%, Ricardo Coutinho com 2,9%, Estelizabel Bezerra com 2,3%, Luciano Cartaxo com 2,2%, Nonato Bandeira com 0,4%, ítalo Kumamoto com 0,2%, Geraldo Amorim 0,1% e Renan Palmeira com 0,1%. Do total dos eleitores entrevistados 18.3% disseram que não votariam em nenhum dos pré-candidatos citados na pesquisa estimulada e 10,3% não sabem dizer em quem votarão para prefeito de João Pessoa, as eleições marcadas para 7 de outubro. João Pessoa é o maior colégio eleitoral do Estado com 473.077 cidadãos aptos a votar, conforme dados publicados no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE), último dia 09, sob o protocolo PB-00005/2012. As entrevistas foram aplicadas nos dias 10 e 11 deste mês, em 24 bairros, agrupamentos de bairros ou conglomerados.
A Consult Pesquisa fez mil entrevistas com eleitores dos sexos masculino e feminino, de todas as faixas etárias, níveis de escolaridade e rendimentos familiares, e em todas as áreas da cidade. A margem de erro é de 3.0 pontos percentuais para mais ou para menos, com 95% de confiabilidade.

Os pré-candidatos comentaram a pesquisa. Confira abaixo:


José Maranhão.


Liderando com 27,6%, o ex-governador José Maranhão (PMDB) disse que o resultado é reflexo da insatisfação do povo com a atual gestão municipal, tendo em vista que os três primeiros pré-candidatos apontados pela pesquisa são do time da oposição.
Sobre a análise da pesquisa o pré-candidato foi enfático: “Recebi a pesquisa com serenidade. Isso é um diagnóstico de momento, mas não representa o resultado final”.

Cícero Lucena.


Em segundo lugar com 20,4%, o senador Cícero Lucena (PSDB) se mostrou tranquilo e afirmou que não vai se preocupar com resultado em pesquisa dos seus adversários. Segundo ele, o momento é de trabalho.

Luciano Cartaxo.


O deputado estadual Luciano Cartaxo, que aparece em terceiro lugar com 10,4%, comemorou os números e revelou que sua campanha começou hoje. Ele disse que o percentual apresentado pela pesquisa mostra o desejo de renovação no modo de governar.
Cartaxo garantiu que sua campanha vai caminhar com o apoio harmônico da militância do PT. Reuniões e corpo a corpo serão realizados em bairro de João Pessoa para apresentação de sua candidatura aos pessoenses.

Estelizabel Bezerra.


A pré-candidata do PSB a prefeita de João Pessoa, Estelizabel Bezerra, comemorou os números da pesquisa Correio Consult divulgada neste sábado. A socialista, que aparece em quarto lugar com 7,7% das intenções de votos, afirmou que seu desempenho foi bom e que números de Nonato Bandeira (PPS) e Geraldo Amorim (PDT) são inexpressíveis.
Estelizabel disse não saber se a ausência dos outros candidatos governista na corrida eleitoral contribuiria para um melhor desempenho seu e desprezou os números obtidos por Nonato e Amorim . “As outras candidaturas tem desempenho muito inexpressivo”, disse.

Nonato Bandeira.


O pré-candidato pelo PPS a prefeito de João Pessoa, Nonato Bandeira, se mostrou satisfeito com o resultado da pesquisa Correio/Consult em que aparece na quinta colocação com 2,4% da preferência dos eleitores entrevistados. Nonato destacou ainda que sua pré-campanha se iniciou apenas na semana passada.
"Tomando como verdade os números, eu fico satisfeito porque nós só iniciamos nossa caminhada semana passada”, disse o pré-candidato.
Na ocasião, Nonato bandeira destacou ainda que disputa com nomes conhecidos e que são candidatos há muito tempo. "Sou candidato para continuar e ampliar o trabalho realizado por Luciano Agra", disse.

F1 - GP da China.


Do Blog Flávio Gomes.
Bão, é o seguinte. Ninguém achava que a Mercedes ia ganhar. Sejam honestos. Mas ganhou. E é uma ótima notícia. Uma equipe que aprende a ganhar, gosta. E como não foi uma vitória daquelas malucas, como a de Alonso na Malásia, é lícito acreditar que a partir de agora vai lutar para vencer outras corridas. Mais uma para um clube que anda meio desfalcado, porque a Red Bull e a Ferrari não têm carros vencedores e outras, como Lotus e Sauber, só se derem um rabo desgraçado.
O fato é que como esta temporada não tem nenhum favorito destacado, como era a Red Bull no ano passado, ela se abre para várias possibilidades. Até agora foram três provas e três vencedores de três equipes diferentes. Até a Ferrari, com aquela bomba de carro, conseguiu beliscar a sua.
E isso significa que regularidade será essencial na corrida pelo título. Hamilton é o novo líder com 45 pontos e nenhuma vitória. Fez três terceiros e está lá, todo bonitão. Button foi o segundo hoje e tem 43. Alonso, nono, caiu para terceiro com 37. Webber, quarto, é quarto também no mundial com 36.
E hoje foi dia de Rosberguinho. Poderia ser também de Schumacher se não tivesse acontecido alguma cagada na roda dianteira direita no pit stop. O mecânico socou o chão de raiva. Michael abandonou ao sair dos boxes.
Nico fez uma corrida exemplar e teve a vitória facilitada por um probleminha de Button num pit stop que o atrasou um pouco e fez com que perdesse tempo no tráfego quando foi devolvido à pista. Mas tendo parado três vezes contra duas de Rosberg, não venceria do mesmo jeito. Isso foi o mais surpreendente de tudo em Xangai: a Mercedes, devoradora de borracha, precisou só de dois pit stops. A McLaren, de três. Webber também.
O GP chinês começou morno, com alguns largando bem, como Button, e outros mal, como Kobayashi. Webber foi o primeiro a parar para colocar pneus médios, na sétima volta. Rosberg levou mais tempo e só parou na 14. E, depois, na 35. Os que optaram por apenas dois pit stops tiveram problemas com os pneus no fim, como Vettel — que escalou o pelotão de 11° no grid até chegar a andar em segundo a duas voltas da quadriculada, quando acabou sendo ultrapassado por Button, Hamilton e Webber.
A Red Bull ainda está na briga, não se iludam. O time sacou que não iria brigar por vitórias nas primeiras corridas do ano e está somando pontos para tentar dar o bote na Europa. Tiãozinho fez uma bela prova e o Canguru também. Como muito bem foram Grosjean, sexto, e Bruno Senna, sétimo. O brasileiro repetiu a atuação convincente da Malásia com boas ultrapassagens e muita disposição. Está se saindo melhor que a encomenda, assim como a Williams em geral. Maldonado foi o oitavo. Se não tinha andado bem no sábado, no domingo o carrinho azul mostrou que dá para frequentar os pontos assiduamente.
A decepção foi a Sauber. Tinha gente até sonhando com uma vitória de Kobayashi, terceiro no grid, e ele foi só o décimo. Na Lotus, se Grosjean foi bem, Kimi teve um fim de prova esquisitíssimo. Numa volta, caiu de segundo para 12°. Depois saberemos o que aconteceu. A Ferrari voltou à realidade. O nono de Alonso é exatamente o tamanho do time vermelho hoje. E Felipe em 13° é exatamente o tamanho do time e o dele, piloto. Massa é o único, além do sexteto das três nanicas, que não marcou um pontinho sequer em 2012.
Efemérides: foi a primeira vitória da Mercedes desde o GP da Itália de 1955, com Fangio, e décima da marca com equipe própria. Rosberguinho tornou-se o 103° piloto a ganhar uma corrida na F-1 e o quinto, entre os vencedores, que precisaram de mais GPs até chegar lá. No seu caso, ganhou no 111° GP. Webber foi o que levou mais tempo, 130 corridas. Nico é também o segundo filho de campeão a ganhar um GP. Keke, seu pai, ganhou o título de 1982 com apenas uma vitória. Ou outro filho de peixe campeão foi Damon Hill.
Apesar de sempre curtir vencedores inéditos, não gostei muito da corrida, não. Acho que era meu sono, sei lá. A pista estava muito suja, pedaço de pneu para todo lado, não estava fácil sair do traçado para ultrapassar. Houve mais perseguição do que disputa. No fim, algumas briguinhas deram graça ao brinquedo. Mas foi bom. Tirando o que foi ruim, o resto foi bom.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

POLICIA.
Namorado enciumado atira e esfaqueia jovens em Campina Grande -PB.

A polícia está investigando a dupla tentativa de homicídio ocorrida na madrugada desta sexta-feira (6), entre os bairros das Cidades e Catingueira em Campina Grande. O crime pode ter sido motivado por ciúmes.
De acordo com as informações repassadas pelo Copom, um adolescente, 17 Anos, sofreu seis tiros e Alisson Douglas Gomes, 20, foi baleado com um tiro e atingido com três facadas.
As informações colhidas no local constam que um dos criminosos – que estava numa moto preta – estaria com ciúmes porque uma das vítimas estava paquerando sua namorada.
As vítimas foram encaminhadas para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. O estado de saúde das vítimas não foi divulgado.
Até o momento, ninguém foi preso.
E as guerras nunca acabam. É guerra santa, guerra por espaços, por água, por petróleo, por homens, por mulheres. E assim caminha a humanidade....