domingo, 15 de abril de 2012

Eleição em João Pessoa - PB

Eleições 2012: Pesquisa revela desgaste dos girassóis; eleitor pessoense demonstra preferir a experiência e descarta ‘novidades’ como Estela.


Maranhão, o velho que satisfaz, lidera com folga.


O primeiro resultado da pesquisa divulgada pelo Instituto Consult/Correio é um desastre para o governador Ricardo Coutinho já que sua candidata simplesmente não existe. Com um ano e quatro meses, como governador e depois de quase oito anos no controle da capital, os pífios 7,7% concedidos a Estelizabel revelam o profundo fosso existente entre o governador e o eleitor da capital, além do enorme desgaste que a sua personalidade controvertida adquiriu.
Seu mais ferrenho adversário, Cícero Lucena, depois de massacrado por todos esses anos mostrou uma enorme capacidade de resistência e de sobrevivência ao conquistar a segunda colocação com 20,4% das intenções de voto.
Derrotado a menos de um ano pelo Mago, Maranhão confirmou que ainda está vivo e, caso se livre dos problemas da Justiça dificilmente deixará de conquistar a prefeitura.
Os números da pesquisa, apesar de comemorados palidamente pela candidata oficial merecem uma avaliação cuidadosa já que, eles apontam para o começo do fim, caso Ricardo não faça uma reflexão sobre a forma como vem se conduzindo politicamente.
Os outros aliados, Geraldo Amorim e Nonato Bandeira, conseguiram pontuar o que já é motivo de comemoração. Eles não contam com o tremendo aparato de uma máquina empregada sem pudor na caça ao voto do eleitor com vínculos com o estado.
Luciano Cartaxo (PT) revelou fôlego e expectativa de crescimento se contar com o apoio indispensável da legenda petista e de suas principais figuras como a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula.
O ex-governador José Maranhão (PMDB) lidera a primeira rodada de pesquisa realizada pelo Sistema Correio de Comunicação na corrida pela prefeitura de João Pessoa. O peemedebista tem 27,6% das intenções de voto do pessoense, seguido pelo senador Cícero Licena (PSDB) com 20,4% e do deputado Luciano Cartaxo (PT) com 10,4%.
Na quarta colocação aparece a pré-candidata do PSB, Estelizabel Bezerra, com 7,7% do votos, seguida do jornalista Nonato Bandeira com 2,4%. Logo após aparecem Ítalo Kumamoto (PSC) com 1,7%, Geraldo Amorim (PDT) com 1,0% e Renan Palmeira (PSol) com 0,2%.
Na pesquisa espontânea Maranhão também aparece em primeiro lugar com 12% das intenções de voto, seguido por Cícero Lucena com 8,9%, Luciano Agra com 8%, Ricardo Coutinho com 2,9%, Estelizabel Bezerra com 2,3%, Luciano Cartaxo com 2,2%, Nonato Bandeira com 0,4%, ítalo Kumamoto com 0,2%, Geraldo Amorim 0,1% e Renan Palmeira com 0,1%. Do total dos eleitores entrevistados 18.3% disseram que não votariam em nenhum dos pré-candidatos citados na pesquisa estimulada e 10,3% não sabem dizer em quem votarão para prefeito de João Pessoa, as eleições marcadas para 7 de outubro. João Pessoa é o maior colégio eleitoral do Estado com 473.077 cidadãos aptos a votar, conforme dados publicados no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE), último dia 09, sob o protocolo PB-00005/2012. As entrevistas foram aplicadas nos dias 10 e 11 deste mês, em 24 bairros, agrupamentos de bairros ou conglomerados.
A Consult Pesquisa fez mil entrevistas com eleitores dos sexos masculino e feminino, de todas as faixas etárias, níveis de escolaridade e rendimentos familiares, e em todas as áreas da cidade. A margem de erro é de 3.0 pontos percentuais para mais ou para menos, com 95% de confiabilidade.

Os pré-candidatos comentaram a pesquisa. Confira abaixo:


José Maranhão.


Liderando com 27,6%, o ex-governador José Maranhão (PMDB) disse que o resultado é reflexo da insatisfação do povo com a atual gestão municipal, tendo em vista que os três primeiros pré-candidatos apontados pela pesquisa são do time da oposição.
Sobre a análise da pesquisa o pré-candidato foi enfático: “Recebi a pesquisa com serenidade. Isso é um diagnóstico de momento, mas não representa o resultado final”.

Cícero Lucena.


Em segundo lugar com 20,4%, o senador Cícero Lucena (PSDB) se mostrou tranquilo e afirmou que não vai se preocupar com resultado em pesquisa dos seus adversários. Segundo ele, o momento é de trabalho.

Luciano Cartaxo.


O deputado estadual Luciano Cartaxo, que aparece em terceiro lugar com 10,4%, comemorou os números e revelou que sua campanha começou hoje. Ele disse que o percentual apresentado pela pesquisa mostra o desejo de renovação no modo de governar.
Cartaxo garantiu que sua campanha vai caminhar com o apoio harmônico da militância do PT. Reuniões e corpo a corpo serão realizados em bairro de João Pessoa para apresentação de sua candidatura aos pessoenses.

Estelizabel Bezerra.


A pré-candidata do PSB a prefeita de João Pessoa, Estelizabel Bezerra, comemorou os números da pesquisa Correio Consult divulgada neste sábado. A socialista, que aparece em quarto lugar com 7,7% das intenções de votos, afirmou que seu desempenho foi bom e que números de Nonato Bandeira (PPS) e Geraldo Amorim (PDT) são inexpressíveis.
Estelizabel disse não saber se a ausência dos outros candidatos governista na corrida eleitoral contribuiria para um melhor desempenho seu e desprezou os números obtidos por Nonato e Amorim . “As outras candidaturas tem desempenho muito inexpressivo”, disse.

Nonato Bandeira.


O pré-candidato pelo PPS a prefeito de João Pessoa, Nonato Bandeira, se mostrou satisfeito com o resultado da pesquisa Correio/Consult em que aparece na quinta colocação com 2,4% da preferência dos eleitores entrevistados. Nonato destacou ainda que sua pré-campanha se iniciou apenas na semana passada.
"Tomando como verdade os números, eu fico satisfeito porque nós só iniciamos nossa caminhada semana passada”, disse o pré-candidato.
Na ocasião, Nonato bandeira destacou ainda que disputa com nomes conhecidos e que são candidatos há muito tempo. "Sou candidato para continuar e ampliar o trabalho realizado por Luciano Agra", disse.

Um comentário:

Anônimo disse...

Pra você ver, o eleitor paraibano é sem-vergonha mesmo, Maranhão tá há trocentos anos no poder, não mudou coissíssima nenhuma a situação daqui e do Cícero Lucena também só fez besteira e tá cheio de processos, aí quando o povo tem a oportunidade de dar espaço a novas propostas e novos pensamentos só faz recuar e eleger os mesmos de sempre, dá pra entender o que se passa na cabeça de eleitores desse tipo?