domingo, 3 de fevereiro de 2013

F1

F1
A temporada de 2012 chegou ao limite já explorado pela categoria, com 20 provas ao longo do ano. A quantidade seria a mesma em 2013, com a entrada do Grande Prêmio das Américas, em Nova Jersey (EUA), entrando no lugar do Grande Prêmio da Europa, em Valência (ESP).
Entretanto, sem um acordo com os organizadores americanos para 2013, a estreia da prova de Nova Jersey foi adiada para 2014. Desta forma, o calendário de 2013 terá apenas 19 corridas. O Circuito de Valência, que ficou fora, deve começar a revezar com o Circuito da Catalunha o papel de anfitrião do Grande Prêmio da Espanha a partir do ano que vem.
Dentre os circuitos que voltam ao calendário, o principal destaque é Nurburgring: no mesmo esquema de revezamento, o autódromo substitui Hockenheim como sede do Grande Prêmio da Alemanha. Além disso, Coreia do Sul e Japão trocaram de lugar no calendário: os coreanos recebem a prova em 6 de outubro, enquanto os japoneses hospedam na semana seguinte.
Mais uma vez, o Grande Prêmio do Brasil é o último da temporada, com boas chances de definir o campeão do ano. A prova no Autódromo de Interlagos acontece em 24 de novembro, com treinos livres no dia 22 e o treino de classificação do sábado no dia 23.
Além do Grande Prêmio das Américas, outras seis corridas tentaram vaga no calendário (especialmente na vaga aberta por Nova Jersey), sem sucesso: Argentina (Mar del Plata), Áustria (Spielberg), França (Paul Ricard e Magny-Cours), Inglaterra (Ruas de Londres), Itália (Ruas de Roma) e Turquia (Istambul Park).